Se pensarmos bem, pintar um cômodo não é tão difícil como possa inicialmente parecer e, nos dias que correm, é um projeto decorativo que muitas pessoas estão a optar por fazer elas mesmo. Depois de conhecido tudo o que há para conhecer sobre tintas e pinturas, reunimos algumas dicas extra para facilitar ainda mais este processo criativo.

  • A não ser que vá utilizar pincéis novos, evite pintar diretamente da lata para não correr o risco de danificar a tinta devido a um pincel sujo – neste caso, recorra a um tabuleiro de tinta. Se optar por pintar diretamente da lata, aproveite esta dica: depois de retirada a tampa da lata, martele um prego na borda interior da lata até conseguir um furo e retire o prego. Agora, depois de molhar o pincel na tinta e passá-lo nessa borda, o excesso vai escorrer novamente para dentro da lata em vez de se acumular na borda.
  • Um trabalho de pintura fica mais fácil quando se removem todas as tomadas, interruptores e outros acessórios de parede.
  • Um pincel com cerdas inclinadas consegue absorver mais tinta do que um pincel com cerdas planas.
  • Quanto mais áspera a superfície a ser pintada, maior deve ser o rolo de pintar.
  • Para assegurar um projeto de pintura bem-sucedido, tenha algumas esponjas de cozinha novas (e descartáveis) para dar pequenos retoques na superfície ou espalhar um pouco melhor a tinta. No entanto, não exagere na sua utilização, uma vez que a tendência deste tipo de esponja é começar a desintegrar-se e, consequentemente, deixar a parede marcada.
  • Sobrou tinta e não sabe o que vai fazer com ela? Não há nada mais simples e prático do que guardá-la – de preferência em locais longe do calor ou do frio excessivos. Assim você pode dar pequenos retoques onde for necessário.
  • A fita adesiva é ideal para tapar tudo aquilo que quer proteger do seu trabalho de pintura – rodapés, tetos trabalhados, maçanetas, aros de portas e janelas.
  • Terminado o projeto de pintura, é necessário limpar os pincéis antes de guardá-los. Pendure os pincéis sobre uma lata ou balde, enchendo-o com água ou solvente o suficiente para cobrir as cerdas. Deixe de molho de um dia para o outro, passe as cerdas por água e volte a pendurá-las para secarem e manter assim as cerdas estreitas. No caso dos rolos, retire qualquer vestígio de tinta antes de lavá-los suavemente e deixe secar ao ar livre.
  • Para poupar no tempo de limpeza, adquira tabuleiros descartáveis ou então forre o seu tabuleiro com papel de alumínio antes de enchê-lo com tinta – no final, basta descartar.

Para mais informações sobre a Santa Cruz Acabamentos acesse nosso site. Você poderá acompanhar em nosso BlogFacebook e Twitter dicas, novidades e informações sobre materiais de construção, decoração, reforma e acabamentos.