O acabamento é uma das etapas mais importantes na hora de construir ou de reformar. É o momento em que o projeto já está tomando forma e é possível imaginar como o imóvel ficará. No entanto, pode ser umas das fases mais difíceis e caras desse processo. Por isso, vamos listar, neste artigo, 4 dicas de acabamento que vão transformar a sua casa e o seu projeto.

Assim, você conseguirá fazer as melhores escolhas para finalizar a sua construção ou reforma. Além disso, aprenderá a fazer mais economia e deixar o seu espaço ainda mais bonito. Não deixe de conferir!

1. Faça um planejamento

Antes mesmo de começar a construir ou reformar, é imprescindível elaborar um planejamento de todas as etapas da obra. Da contratação dos profissionais técnicos necessários até a compra dos móveis e dos artigos de decoração, tudo deve estar listado e devidamente organizado.

Se você se planejou, com certeza a etapa do acabamento da sua reforma ou construção já está organizada. Entretanto, caso você não tenha se planejado desde o início, é hora de tomar essa atitude no acabamento.

Caso contrário, você não conseguirá ter uma visão global dos seus gastos e acabará gastando mais do que deveria. Ou, pior, dedicará uma parcela muito maior do seu orçamento para a sala e não terá condições de acabar o banheiro, por exemplo.

Além disso, ao se planejar, você também poderá aproveitar promoções e oportunidades que acontecem em períodos específicos do ano. Dessa forma, conseguirá adquirir os materiais para acabamento mais em conta e economizará ainda mais.

2. Adquira materiais de boa qualidade

Outra dica de acabamento muito útil é pesquisar e verificar a qualidade dos materiais que você pretende adquirir. Afinal de contas, de nada adianta gastar menos em artigos que, em poucos anos, precisarão ser trocados.

Essa regra vale, principalmente, para os materiais hidráulicos e para os metais. Se comprados em qualidade inferior, podem trazer sérios problemas, como vazamentos e ferrugem.

Por isso, é essencial conhecer os fornecedores dos acabamentos que você deseja comprar. Aqui na Santa Cruz temos consultores aptos a orientar e ajudar você a fazer as melhores escolhas.

É melhor se dedicar um pouco mais nessa fase do que se deparar com surpresas desagradáveis no futuro, concorda?

3. Substitua a madeira pelo piso vinílico ou laminado

Hoje em dia, existe no mercado a opção de revestimento de piso vinílico ou laminado. Eles funcionam muito bem em substituição à madeira e tem um custo muito mais reduzido.

Ademais, também têm manutenção mais viável e mais simples do que um piso convencional de madeira. Outra vantagem desse tipo de material é que ele é antialérgico e tem alta durabilidade.

Para ambientes mais aconchegantes, como o quarto, o indicado é instalar o piso laminado. Lado outro, para locais com mais circulação de pessoas, o ideal é escolher o vinílico.

4. Anote os códigos das cores escolhidas

No momento em que for escolher as cores das tintas que colorirão as suas paredes, muita atenção aos códigos das tintas. Eles serão essenciais quando você precisar renovar a pintura ou realizar eventuais retoques nesse acabamento.

Caso contrário, será praticamente impossível acertar na cor e na tonalidade das suas paredes, após anos da construção ou reforma.

Com este artigo, você aprendeu dicas de acabamento que serão importantíssimas para o bom andamento das suas obras e para a economia na conclusão do projeto. E se você está animado para reformar a sua casa, que tal conhecer um pouco mais? Saiba tudo o que você deve fazer antes de começar uma reforma!